O esperanto num relance

El Vikio de Portugala Esperanto-Asocio
Iri al: navigado, serĉi


Vocabulário

Contém apenas os lexemas usados no exemplos e exercícios d’O esperanto num relance.

iama enhavo en
vortaro.htm

A

abelo
abelha
admiri
admirar
afero
coisa, situação
aperi
aparecer
aresti
prender (crim.)
aŭto
carro

B

besto
animal
bindi
encadernar
blanka
branco, branca
blua
azul
bovo
boi
bubo
miúdo, garoto

C

cigaro
charuto

D

dezerto
deserto
dimanĉo
domingo
diri
dizer
domo
casa
doni
dar
dormi
dormir

E

ebria
bêbabdo, ébrio
edzo
esposo
esti
ser, estar

F

facila
fácil
fali
cair
farbi
pintar, colorir
fenestro
janela
flugi
voar
foino
fuinha
fojno
feno
fumo
fumo

G

gajni
ganhar
garaĝo
garagem
granda
grande

H

havi
ter
horo
hora

I

iri
ir
Islamo
Islão

K

kamelo
camelo
kandelo
vela (ilum.)
kanti
cantar
kartono
cartão
kastelo
castelo
kato
gato
kojoto
coiote
kolombo
pombo
kultivi
cultivar
kuri
correr
kuzo
primo

L

libro
livro
Lisbono
Lisboa
litro
litro
loĝi
morar
ludi
jogar, tocar

M

manĝi
comer
memoro
memória
ministro
ministro
mono
dinheiro
multe
muito
muro
parede, muro

N

naĝi
nadar
necesi
ser necessário
neĝo
neve
nigra
preto, preta
nova
novo, nova

P

pagi
pagar
pala
pálido, pálida
patro
pai
pensi
pensar
piedo
pneŭo
pneu
Polico
Polícia
problemo
problema
produkti
produzir
promeni
passear
proteino
proteína

R

rado
roda
rapida
rápido, rápida
ricevi
receber
ridi
rir
rikolti
recolher

S

sablo
areia
saĝa
sábio, sábia
salti
saltar
semo
semente
signifi
significar
sinki
afundar-se
skii
esquiar
solvi
resolver
sputi
cuspir
stulta
estúpido, estúpida
supra
de cima

Ŝ

ŝajni
parecer
ŝipo
embarcação
ŝteli
roubar

T

tablo
mesa
tunelo
túnel

V

veni
vir
vidi
ver
vino
vinho
viro
homem
vojaĝo
viagem
voli
querer

Introdução e apresentação

iama enhavo en
relance.htm

Esta página apresenta-se sem qualquer preocupação pedagógica e não se destina à aprendizagem do esperanto. Deverá ser usada para consulta avulsa, por parte de curiosos e de estudiosos, ou (como solução de recuso) de principiantes. Este conteúdo foi originalmente editado pelos Jovens Esperantistas de Portugal para servir de apoio ao seu primeiro curso intensivo. Numa versão ligeiramente modificada, faz parte actualmente do material básico usado pela Associação Portuguesa de Esperanto para as suas acções de divulgação, e corporiza finalmente a pretensão frequente de que «a gramática do esperanto cabe numa folha A4» — dos dois lados, neste caso… (Este documento está disponível para descarga, em formato PDF.)

Pronúncia

iama enhavo en
alfabeto.htm

Alfabeto

A ortografia é fonética, isto é, cada uma das 26 letras corresponde um único fonema (e idealmente um único som):

a b c ĉ d e f g ĝ h
ĥ i j ĵ k l m n o p
r s ŝ t u ŭ v z

De entre estas são vogais as marcadas acima a mais claro (a e i o u) e semi­‑vogais as marcadas a mais escuro (j ŭ). São diferentes do português as seguintes letras:

letra exemplo som
IPA
a como em "mar". a
b como em "abrir" (nunca aspirado, à portuguesa, mesmo se intervocálico) b
c como em "etcétera" ʦ
ĉ como em "atchim!" ʧ
d como em "pedra" (nunca aspirado, à portuguesa, mesmo se intervocálico) d
e como em "móvel" (*) ɛ
g como em "grande" (nunca aspirado, à portuguesa, mesmo se intervocálico) ɡ
ĝ como em "adjectivo" ʤ
h aspirado, como em inglês "home" (nunca mudo) h
ĥ gutural, o som mudo correspondente a "rr" (ou o "rr" carioca); como em espanhol "mujer" ou alemão "nacht" χ
j "i" semi­‑vogal, como em "pai" (*) j
ĵ como em "jogo" (não ditonga a vogal anterior, à brasileira) ʒ
k como em "claro", "casa" k
l como em "lado", "claro" (sempre coronal ou palatal, nunca (semi)vogal bilabial, à brasileira, mesmo se no fim de sílaba) l
m (nunca nasal, mesmo se em fim de sílaba) m
n (nunca nasal, mesmo se em fim de sílaba) n
o como em "olá" ɔ
r como em "abrir" (nunca gutural, à carioca ou setubalense) ɾ
s como em "assar" (ou "açor" exc. à trasmontano-beirã; nunca retroflexo, à portuguesa ou carioca; não ditonga a vogal anterior, à brasileira) s
ŝ como em "peixe" (não ditonga a vogal anterior, à brasileira) ʃ
ŭ "u" semi­‑vogal, como em "pau" w
v como em "voz" (sempre lábio-dental, nunca bilabial, à nortenha) v
z como em "zona" (nunca aproximante, à trasmontano-beirã; não ditonga a vogal anterior, à brasileira) z

Nota para a primeira coluna: Por falta de implementação assegurada da norma ISO:10646 (Unicode), na qual se encontram caracteres necessários para escrever em esperanto, foi acrescentada uma descrição, visualizada sob a forma de tooltip sobre o símbolo respectivo. (Informações sobre localização de software para esperanto, implementações ISO-8859 e Unicode, e historial de sucedâneos — aqui.)

Nota para a terceira coluna: Por falta de implementação assegurada da norma ISO:10646 (Unicode), na qual se encontram os caracteres do Alfabeto Fonético Internacional, foi acrescentada a equivalência da norma provisória SAMPA, que permite transcrever este alfabeto para ASCII de 7 bites, visualizada sob a forma de tooltip sobre o símbolo respectivo.

(*) Atenção ao ditongo "-ej-", em que o timbre do "e" não se altera — deve soar sempre como na pronúncia brasileira de "ideia" e tc. (“-éi-”), nunca com o "e" fechado (“-êi-”), muito menos à lisboeta (“-âi-”), ou à meridional (“-ê-”). Igualmente, para o ditongo "-oj-", como em "roi", não como em "boi".

Acentuação

Todas as palavras polissilábicas são graves (paroxítonas), i.e., acentuadas na penúltima sílaba: (Nos exemplos que se seguem, a negrito a sílaba tónica de cada palavra. O ponto médio "·" que divide as sílabas não faz parte da ortografia!)

A cada vogal corresponde uma sílaba:

(Note­‑se a diferença entre, p.ex., foj·no e fo·i·no.)

Esta regra aplica­‑se também a palavras não terminadas em vogal:

Vogais iguais seguidas prolongam­‑se, consoantes e sem­i‑vogais repetem­‑se.

Gramática

iama enhavo en
radikoj.htm

Terminações

Acrescentado diversas terminações aos radicais, obtêm­‑se diferentes palavras. Exemplos com o radical "rapid‑":

rapidez, velocidade (substantivo)
rápido, rápida (adjectivo)
rapidamente (advérbio)

Formação de palavras

“Novas” palavras podem também formar­‑se por justaposição de radicais existentes:

corrida em velocidade, sprint
velocidade de corrida

Plural

O plural obtém­‑se acrescentando "‑j" após a terminação. O adjectivo concorda com o substantivo. Ex.:

Artigo

Artigo definido invariável:

la
o, a, os, as

Não existe artigo indefinido: o efeito de "um", "uma", "uns", "umas" é obtido pela ausência do artigo definido:

o pensamento
um pensamento

Pronomes

iama enhavo en
pronomoj.htm

pessoais

pessoa→
número↴
1.ª 2.ª 3.ª
singular
mi
eu
ci
tu (*)
li
ele
ŝi
ela
ĝi
(†)
plural
ni
nós
vi
vós
ili
eles / elas
indefinido
oni
(‡)
si
(⁂)

(‡) "Oni": Pronome indefinido:

Oni diras.
Diz-se.

(⁂) "Si": Reflexivo da 3.ª pessoa. Exemplos:

Ŝi vidis sin.
Ela viu-se.
Ŝi vidis ŝin.
Ela viu-a.

Não é usado para a segunda pessoa em sinal de deferência.

(†) "Ĝi": Pronome do género neu­tro, usado para objectos, seres as­sexuados ou de sexo indeterminado ou irrelevante. Para distinguir terceiras pessoas não inanimadas sem indicação de género gramatical, ver "ŝli" e "ri".

(*) "Ci": Caído em desuso muito cedo. Usa-se geralmente "vi" tanto para a 2.ª pessoa do singular como do plural (caso semelhante ao inglês "you" vs. "thou").

possessivos

São acrescidos da terminação adjectiva "‑a":

mia
meu, minha
sia
seu, sua

et c.

Verbos

iama enhavo en
verboj.htm

A forma verbal não varia nem em pessoa nem em número; é por isso que se deve usar sempre o pronome. Exemplo:

pensi
pensar (infinitivo)
Conjugação
mi
(ci…)
li ⎪ ⎧ pensas (presente)
ŝi ⎪ ⎪ pensos (futuro)
ĝi ⎬ ⎨ pensis (passado)
ni ⎪ ⎪ pensus (condicional)
vi ⎪ ⎩ pensu (volitivo*)
ili
oni

(*) O volitivo equivale ao imperativo e ao conjuntivo em português.

O restante sistema verbal está relacionado com a formação e derivação de particípios.

Acusativo

iama enhavo en
akuzativ.htm

de objeto

O objeto (complemento direto) de uma proposição é marcado específicamente com um "‑n" após a sua terminação — enquanto que em português este é identificado apenas pela sua posição na frase:

Isto permite alterar a ordem das palavras na proposição sem alterar essencialmente o seu significado, mas obtendo diversos efeitos enfáticos.

Quero ganhar dinheiro.
Eu é que quero ganhar dinheiro…
Eu quero é ganhar dinheiro!

Eventuais adjectivos concordam com o substantivo:

de direcção

Em complementos e após uma preposição, indica o lugar para (a)onde se realiza a ação do verbo, enquanto que o nominativo (sem "-n") indica apenas o lugar onde esta se realiza. Ex.s:

Kato saltas sur la tablo.
Um gato salta em cima da mesa.
     
La aŭto iras en tunelo.
O carro vai num túnel.
Kato saltas sur la tablon.
Um gato salta para cima da mesa.
La aŭto iras en la novan garaĝon.
O carro vai para a garagem nova.
(= O carro entra na garagem nova.)

Pode ser usado também em advérbios, sem preposição:

Mia kuzo loĝas supre.
O meu primo mora em cima.
     
Kun mi, la bubo sidas ĉiam malantaŭe.
Comigo, o miúdo vai sempre atrás.
La kolomboj flugis supren.
Os pombos voaram para cima.
Saĝulo neniam sputas malantaŭen.
Um sábio nunca cospe para trás.

em substituição de preposição

Ŝi naĝis dum multaj horoj. = Ŝi naĝis multajn horojn.
Ela nadou muitas horas.
Necesas reveni en la dimanĉo. = Necesas reveni dimanĉon.
É preciso regressar no domingo.

Particípios

iama enhavo en
particip.htm

ativos

Para cada verbo, existem três particípios ativos. Ex.:

ricevanto
o que recebe
     
ricevonto
o que receberá
     
ricevinto
o que recebeu

passivos

Os verbos transitivos têm também três particípios passivos:

ricevato
o que é recebido
(= está a ser recebido)
     
ricevoto
o que será recebido
     
ricevito
o que foi recebido

Gerúndio

Particípio ativo advérbio, com a terminação "‑e". Ex.s:

Passeando, caí.
Tendo chegado, comeremos. (= Quando chegarmos, comemos.)
Os agricultores semeiam estando para colher.

Tempos verbais complexos

Conjugando os particípios e o verbo auxiliar "esti" podem formar­‑se todas as nuances verbais (num total de 24 combinações!). Ex.s:

La ŝipo estis jam sinkinta.
O navio já se tinha afundado.
     
Morgaŭ li estos malaperinta.
Amanhã ele terá desaparecido.
Tiu viro estis fumonta cigaron.
Aquele homem estava para fumar um charuto.
Se ŝi estus vojaĝonta…
Se ela estivesse para viajar…
La fenestro estas fermita.
A janela está fechada.
La fenestro estas fermata.
A janela está a ser fechada.
La fenestro estis fermita.
A janela estava fechada.
La fenestro estis fermata.
A janela estava a ser fechada.
La fenestro estos fermita.
A janela estará fechada.
La fenestro estas fermota.
A janela está para ser fechada.
Personaj iloj
Nomspacoj
Variantoj
Agoj
Navigado
Iloj